Propriedades Medicinais da Própolis

O que é a Própolis?

extrato-de-propolis-2-300x203 Propriedades Medicinais da Própolis

A palavra própolis é derivada do grego e que dizer, em defesa da comunidade em que pro-, significa em defesa, e polis-, cidade ou comunidade. É uma mistura formada por materiais coletados pelas abelhas de ramos, flores, pólen, brotos, exsudato de árvores e secreções salivares e enzimas das próprias abelhas.

As abelhas fabricam a própolis pelos seguintes motivos:

  • Protegê-las contra insetos e microorganismos;
  • Reparo de estragos na colmeia;
  • Mumificação de insetos invasores;
  • Preparo de locais assépticos (sem presença de microorganismos) para o local de postura de ovos.

 

Composição da Própolis

A própolis é, geralmente, composta de :

  • 50 – 60% de resinas e bálsamos;
  • 30 – 40% de ceras;
  • 5 – 10% de óleos essenciais;
  • 5% de grão de pólen, além de microelementos como alumínio, cálcio, estrôncio, ferro, cobre, manganês e;
  • E pequenas quantidades de vitaminas B1, B2, B6, C e E.

 

Efeitos Farmacológicos da Própolis

A composição farmacológica depende:

  • Da ecologia e flora de cada região visitada pelas abelhas;
  • Período de coleta da resina;
  • Variabilidade genética das abelhas rainhas.

Embora variável, a composição química envolve:

  • Flavonóides como a galangina, quercetina, pinocembrina e kaempferol;
  • Ácidos aromáticos e ésteres;
  • Aldeídos e cetonas;
  • Terpenóides e fenilpropanóides como os ácidos caféico e clorogênico;
  • Esteróides;
  • Aminoácidos;
  • Polissacarídeos;
  • Hidrocarbonetos;
  • Ácidos graxos e vários outros compostos em pequenas quantidades;
  • Constituição elementos inorgânicos como o cobre, manganês, ferro, cálcio, alumínio, vanádio e silício.

Dos compostos listados acima, o flavonóides e os ácidos fenólicos, são atribuídas as propriedades antibacteriana, antiviral e antioxidante.

 

Atividade Antiinflamatória da Própolis

A atividade antiinflamatória da própolis deve-se: á presença de:

  • Inibição da ciclooxigenase (COX) e lipooxigenase E através Flavonóides;
  • Inibição da liberação de ácido aracdônico da membrana celular, suprimindo as atividades das enzimas COX-1 e COX-2 através do Ácido fenil éster caféico (CAPE) e;
  • Além disso, a própolis faz a Inibição da síntese das prostaglandinas e ativa a glândula timo que auxilia o sistema imune aumentando a atividade fagocítica e estimulando a imunidade celular.

 

Atividade Antimicrobiana da Própolis

A própolis tem a seguintes características microbiológicas:

  • Inibição da RNA-polimerase bacteriano pela flavonona pinocembrina, flavonol galagina e éster feniletil do ácido caféico.
  • Provavelmente quebra da membrana plasmática ou parede celular bacteriana através dos flavonóides, o ácido caféico, ácido benzóico, ácido cinâmico,  causando danos funcionais e estruturaiscchio et al., 2005);
  • A própolis possui atividade antibacteriana maior contra bactérias Gram-positivas e limitada contra Gram-negativas pois, estas últimas possuem uma parede celular quimicamente mais complexa e uma quantidade maior de lipídeos.
  • Excelentes atividades fungistática e fungicida em teste contra leveduras causadores de onicomicoses.

 

Atividade Antioxidante da Própolis

Os radicais livres são essenciais para o funcionamento do organismo, porém em excesso, atacam células sadias provocando:

  • Doenças cardiovasculares;
  • Doenças reumáticas;
  • Doenças neurológicas;
  • Doenças psiquiátricas;
  • Envelhecimento precoce;
  • Neoplasias;
  • Osteoporose;
  • Diabetes;
  • Inflamações.

No entanto, como os radicais livres podem interferir na fisiologia humana e gerar os distúrbios relacionados acima? Alguns autores afirmam que a mitocôndria, célula responsável pela respiração celular e manutenção da vida de seres aeróbios, são as principais geradoras de radicais livres, e que o acúmulo dessas moléculas provocam mutações na genoma mitocondrial reduzindo a produção de ATP (adenosina trifosfato) responsável pelo armazenamento de energia da célula, e consequentemente, predispondo a mesma ao envelhecimento e doenças relacionadas ao tipo de célula e tecido do organismo. Exemplo:

  • Acúmulo de radicais livres em mitocôndrias de células cardíacas e vasculares geram doenças cardiovasculares;
  • Acúmulo de radicais livres em mitocôndrias de células epiteliais geram envelhecimento precoce da pele.

Neste sentido, os antioxidantes são substâncias que atrasam ou inibem as taxas de formação de radicais livres prevenindo o envelhecimento precoce e doenças degenerativas.  Na própolis, os flavonoides são os compostos responsáveis pela ação antioxidante.

O extrato de própolis aquoso tem atividade antioxidante expressiva pela quantidade significativa de flavonoides presente no mesmo. Você pode obter o extrato de própolis clicando aqui.

extrato-de-propolis-2-300x203 Propriedades Medicinais da Própolis

.

Atividade Antineoplásica da Própolis

Os flavonoides da própolis apresentam ação antitumoral com ação na progressão do câncer, crescimento e na diferenciação celular.

 

Indicação da Própolis

A própolis é classificada pela Comunidade Científica como antibiótico natural, assim ela atua nas:

  • afecções respiratórias como amigdalite e faringite e  (dor de garganta), laringite (rouquidão), gripe, sinusite, rinite, bronquite, pneumonia, tuberculose, otites (dor de ouvido).
  • Feridas na boca (afta, herpes labial, gengivite, glossite, dor pós extrações dentárias);
  • Distúrbios digestivos (gastrite e úlceras, diarreia, colites);
  • Afecções urinárias na bexiga (infecções urinárias, cistite);
  • Afecções na pele (úlceras, furúnculos, foliculite, hidradenite, queimaduras, acne, calos, frieiras, micoses, picada de insetos);
  • Candidíase (efeito fungicida da própolis);
  • Espinhas (a própolis combate as bactérias que causam acne);
  • Arterosclerose;
  • Doenças neurológicas (esclerose multiplas, distrofia muscular progressiva, insuficiência vascular cerebral, anorexia nervosa, doença de parkinson);
  • afecções ginecológicas (tricomuníase, vaginites, leucorréia, feridas pós operatórias);
  • afeções dos olhos (blefarite, úlcera de córnea, irite com queratopatias).

 

Propriedades Medicinais da Própolis

A própolis contém as seguintes propriedades:

  • Antibacteriana;
  • Antifúngica
  • Anti-colesterolêmica
  • Anti-parasitário;
  • Anti-inflamatória;
  • Antioxidante;
  • Anti-tóxicos;
  • Analgésico;
  • Anestésico;
  • Antituberculose;
  • Antiviral;
  • Desodorante;
  • Citostático;
  • Hemostático;
  • Hipotensor e;
  • Termoestabilizador.

 

Modo de usar

  • Crianças: Utilizar 3 a 5 gotas uma vez ao dia diluída em uma colher de sopa com água sem cloro e sem gás.
  • Adultos: Utilizar 15 a 20 gotas uma vez ao dia diluída em meio copo com água sem cloro e sem gás.
  • Em ferimentos: Deve-se lavar o ferimento com água corrente. Utilize algodão umedecido com extrato de própolis e goteje algumas gotas sobre a lesão. É normal a ardência. Repita duas ou mais vezes ao dia, colocando sobre o ferimento algumas gazes.

 

Onde comprar extrato de Própolis?

Para comprar extrato de própolis, clique aqui!

extrato-de-propolis-2-300x203 Propriedades Medicinais da Própolis

Referências Bibliográficas

SILVA,Walison; FERRARI, Carlos. Metabolismo mitocondrial, radicais livres e envelhecimento. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, Rio de Janeiro, 2011; v.14. p.441-451, 2011. Disponível em: <http://www.scielo.br>. Acesso em: 14 abril 2017.

MENEZES, H. Própolis: Uma Revisão dos Recentes Estudos de suas Propriedades Farmacológicas. Arquivos do Instituto de Biologia, São Paulo, v.72. p.405-411, jul./set. 2005. Disponível em: <http://www.biologico.sp.gov.brr>. Acesso em: 14 abril 2017.

LUSTOSA, Sarah, et al. Própolis: atualizações sobre química e a farmacologia. Revista Brasileira de Farmacologia, João Pessoa, v. 18, n. 3, jul./set. 2008. Disponível em: <http://www.scielo.br/>. Acesso em: 12 mar. 2017.

LIMA, Fernanda; BEZERRA, Aline. Flavonoides e Radicais Livres. Série: Ciências Naturais e Tecnológicas, Santa Maria, v. 13, n. 1, 2012. Disponível em: <http://sites.unifra.br>. Acesso em: 12 mar. 2017.

 

marcus

Olá, meu nome é Marcus Vinícius, tenho 32 anos. Sou blogueiro, enferrmeiro e referência técnica do Centro de Atenção Psicossocial CAPS I de Lagoa da Prata/MG. Sou graduado em Enfermagem pela Universidade de Uberaba UNIUBE. Os meu objetivo neste blog é trazer um conteúdo esquematizado e de fácil entendimento para te auxiliar nas suas pesquisas e estudos na área de enfermagem, saúde pública e saúde como um todo.

Website: http://www.enfermagemesquematizada.com.br

Deixe uma resposta