Acatisia

O que é acatisia?

acatisia-300x272 Acatisia

O termo significa dificuldade de sentar ou negação para sentar em que o prefixo “a” significa negação e “catisia” significa sentar-se e pode ser definido como um transtorno de movimento relacionado ao sistema motor que é evidenciado por ansiedade, irritabilidade e disforia que podem ser de grau a leve a intensa. O paciente não consegue ficar parado.

 

Principais sintomas da acatisia:

  • ansiedade;
  • inquietação – Balanço alternado dos pés, caminhar no mesmo lugar, o paciente marcha o tempo todo;
  • parestesia – sensação anormal e desagradável sobre a pele como coceira queimação, dormência;
  • irritabilidade;
  • agitação psicomotora e;
  • vontade de mover-se todo o tempo.

 

Classificação.

A acatisia pode ser classificada em aguda ou crônica.

  • Aguda – Sintomas ocorrem nos primeiros 6 meses da inicio do uso de antipsicóticos ou aumento de sua dosagem;
  • Crônica – Os seus sinais e sintomas não ocorreram pela introdução de antipsicótico ou o seu aumento de dose.

 

Epidemiologia

Acomete de 20 a 75% dos pacientes nos primeiros 3 meses de início do uso do antipsicóticos.

 

Causas

Efeito adverso provocado pelo uso de antipsicóticos.

 

Tratamento

Betabloqueadores – Exemplos: Propanolol e Atenolol;

Benzoadizepínicos – Exemplos: Nadolol e Clonazepam;

Anticolinérgicos – Exemplo: Biperido

Dentre as classes farmacólogicas descritas acima, os betabloqueadores, especificamente os de ação central como o Propanol mostram-se mais eficazes que o restante.

 

Referência Bibliográfica

Lima, Adriano; BACALTCHUK, Josué; FERRAZ, Marcos. Tratamento farmacológico de acatisia induzida por antipsicóticos. Revista Brasileira de Psiquiatria, São Paulo, v.23, n. 2, junho, 2001. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rbp/v23n2/5585.pdf>. Acesso em 11 de dezembro de 2016.

marcus

Website:

Deixe uma resposta